Domingo, Setembro 24, 2017
redacao@fatopaulista.com.br / fatopaulista@hotmail.com Telefone: (11) 2849-1454 ::: Ano IX - Edição n º 254
Sexta, 30 Janeiro 2015 16:49

Beatriz Azevedo Apresenta o Show “antroPoPhagia” no Sesc Bom Retiro

Escrito por 
Avalie este item
(0 votos)

Literatura, carnaval, humor e experimentalismo fazem parte do trabalho

Nos dias 7 e 8 de fevereiro -sábado e domingo- às 18h e 19h, o Sesc Bom Retiro recebe a intérprete Beatriz Azevedo com o show “antroPOPhagia”.

O CD foi concebido após a gravação de uma performance da artista em apresentação. “Durante a passagem de som, o engenheiro de som decidiu criar equipamentos que tornam possível gravar em canais, via ProTools HD. No dia seguinte do show, ele disse: Beatriz por favor, traga um disco rígido externo, porque é pesado!. Só nesse momento é que eu percebi que o engenheiro de som tinha gravado o show inteiro, em alta definição” explica  a cantora.

No repertório, escrito por Beatriz, também há canções de Cole Porter e Tom Jobim, ambas com arranjos criados especialmente para elas. A “What Is This Thing Called Love?” de Cole Porter, foi misturada ao ritmo de Jongo, rompendo padrões da música americana sem perder a poesia. Já com “Insensatez”, de Jobim, a artista buscou inspiração na música de Astor Piazzolla, acrescentou elementos criando uma parceria e integração da música latino-americana.

A apresentação também conta com elementos da releitura das obras do escritor Oswald de Andrade (1890 - 1954), autor do conceito de Antropofagia, (que influenciou movimentos como a Tropicália, Mangue Bit no século 20). Beatriz em alguns momentos transforma textos de Andrade em música.

Esse é o primeiro álbum ao vivo da cantora que teve três álbuns de estúdio produzidos antes: "Bumbum Do Poeta", lançado no Brasil (pelo selo de Caetano Veloso Natasha Records) e no Japão (por registros Nippon Crown); "Mapa-Mundi [Samba e Poesia]", produzido por Alê Siqueira, e "Alegria", com participações especiais de Tom Zé e Vinicius Cantuária, divulgados pela Biscoito Fino no Brasil e Discmedi na Europa

Além disso, Antropofagia é o núcleo da tese de Beatriz para o Master of Arts, (Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas da USP Universidade de São Paulo), e PHD (Instituto de Artes, Unicamp). Em 2015, Beatriz vai lançar dois livros sobre Antropofagia e Oswald de Andrade

 Beatriz é Poeta, cantora e compositora, multiartista brasileira. É mestre em Literatura pela USP (Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas da Universidade de São Paulo) e Doutoranda em Artes da Cena pelo Instituto de Artes da UNICAMP. Recebeu a Bolsa Virtuose para Artistas, do Ministério da Cultura do Brasil. Estudou música no Mannes College of Music e Jazz and Contemporary Music Program em Nova York (USA).  Atriz e diretora teatral graduada em Artes Cênicas pela UNICAMP, estudou Dramaturgia na Sala Beckett em Barcelona (Espanha).

AntroPOPhagia é uma criação mostrando Brasil sem clichês, abrindo uma crítica e questionando diferentes perspectivas sobre o Brasil.

Repertório

Rede - [Beatriz Azevedo]

Sem Fronteiras -[Beatriz Azevedo]

De Repente- [Beatriz Azevedo]

Erro de Português - [música de Beatriz Azevedo sobre poema de Oswald de Andrade]

Coco de Pagu - [música de Beatriz Azevedo sobre poema de Raul Bopp]

Abraçar do Sol -[Beatriz Azevedo + Cristóvão Bastos]

Minha música não  é  minha  não - [Beatriz Azevedo + Matheus von Kruger]

Insensatez - [Tom Jobim + Vinicius de Moraes]  arranjo Beatriz Azevedo

Cântico dos Cânticos - [música de Beatriz Azevedo sobre poema de Oswald de Andrade]                      

Devora - [Beatriz Azevedo + Vinicius Cantuária]

Toda Sorte - [Beatriz Azevedo + Angelo Ursini]

What is this thing called love - [Cole Porter]  arranjo Beatriz Azevedo

Tudo Está - [Beatriz Azevedo + Matheus von Kruger]

Gran Navegação - [Beatriz Azevedo + Angelo Ursini]

Bis  - [Beatriz Azevedo + Deni Domenico]

Musa- [Beatriz Azevedo + Darwinson Rocha]

Alegria  -[Beatriz Azevedo + Vinicius Cantuária]

Egoista - [Beatriz Azevedo]

Relicário - [música de Beatriz Azevedo sobre poema de Oswald de Andrade]          

Muda Musa- [Beatriz Azevedo + Zélia Duncan]

Ingressos à venda nas bilheterias da rede Sesc São Paulo. O endereço do Sesc Bom Retiro é Al. Nothmann,185. Mais informações pelo telefone 3332-3600 ou portalwww.sescsp.org.br/bomretiro

Serviço

Beatriz Azevedo - antroPophagia

Dia 07/02. Sábado, às 19h.

Dia 08/02. Domingo, às 18h.

Ingressos de R$7,50 a R$25,00.

Local: Sesc Bom Retiro. Teatro.291lugares.

End: Al. Nothmann, 185 – Campos Elíseos

Estacionamento próprio. De R$4 a R$8

Tel: 3332- 3600

Acessibilidade:Entrada com acesso para pessoas com deficiência mobilidade

reduzida.

Ler 805 vezes

Deixe um comentário

Certifique-se de preencher os campos indicados com (*). Não é permitido código HTML.