Quinta, Setembro 20, 2018
redacao@fatopaulista.com.br / fatopaulista@hotmail.com Telefone: (11) 2849-1454 ::: Ano IX - Edição n º 266
Sexta, 06 Julho 2018 09:35

Feriado da Revolução Constitucionalista vai ter vacinação em mais de 70 unidades de saúde

Escrito por 
Avalie este item
(0 votos)

Postos de saúde irão funcionar neste sábado (7) e na segunda-feira (9) para vacinar contra a febre amarela e a gripe

         Quem ainda não se protegeu contra a febre amarela ou contra a gripe no município de São Paulo vai poder aproveitar o feriado prolongado da Revolução Constitucionalista para colocar a carteira de vacinação em dia. Mais de 70 unidades de saúde da capital estarão abertas neste sábado (7) e na segunda-feira (9) para aplicação das duas vacinas.

         A lista com os locais de vacinação e os horários de atendimento pode ser acessada por meio deste link:http://www.prefeitura.sp.gov.br/cidade/secretarias/saude/vigilancia_em_saude/doencas_e_agravos/febre_amarela/index.php?p=248543

         Para se vacinar, basta comparecer na UBS portando documento de identificação e, se possível, carteira de vacinação e cartão SUS. É importante lembrar que a dose que protege contra o vírus da febre amarela deve ser tomada com, pelo menos, 10 dias antes da data de deslocamento para as áreas de risco.

         A cobertura da dose no município segue em torno de 57%, abaixo da meta avaliada como a ideal pela Secretaria Municipal da Saúde (SMS), que pretende imunizar 95% da população. A vacina continua disponível nas unidades de saúde da cidade também durante a semana. Para saber qual a unidade de referência de seu endereço, basta consultar o Busca Saúde (http://buscasaude.prefeitura.sp.gov.br/).

Vacinação contra Influenza

         Até o momento, a capital atingiu 77,6% dos chamados grupos prioritários para vacinação contra a gripe. A dose disponível nos postos de saúde protege contra três subtipos do vírus da gripe - H1N1, H3N2 e Influenza B.

         A vacina tem como público-alvo as gestantes, crianças entre 6 meses e 5 anos de idade, população indígena, adultos com 60 anos ou mais, puérperas, profissionais da saúde e educação e pessoas com comorbidades. No último dia 25, também foram incluídas as crianças de 5 anos a 9 anos de idade e adultos de 50 a 59 anos.

         É importante ressaltar que a campanha de vacinação foi encerrada em 23 de junho, porém as unidades seguem aplicando as doses remanescentes.

Ler 4637 vezes
Ligia Minaro

Jornalista Responsável: Ligia Minaro - MTB 33.856