Quinta, Abril 27, 2017
redacao@fatopaulista.com.br / fatopaulista@hotmail.com Telefone: (11) 2849-1454 ::: Ano IX - Edição n º 249
Editorial

Editorial (28)

Fitcoaching une os benefícios do exercício físico com as técnicas utilizadas em uma sessão de coach

Marcella Vidal (*)

Desinteresse nos estudos, falta de concentração, hiperatividade, baixo rendimento escolar e isolamento social são comportamentos verificados em muitas crianças e que podem levar a diagnósticos de Dislexia ou de Transtorno do Déficit de Atenção e Hiperatividade (TDAH).

Segunda, 10 Abril 2017 07:15

Nutrição - Alimentos funcionais e a saúde

Escrito por

*Por Camila Leonardi

Consumo de alimentos naturais favorece a produção de substâncias que previnem o câncer e outras doenças

Detran.SP alerta que dirigir com sono pode ser tão perigoso quanto embriagado; Departamento de Trânsito apoia campanha “Não dê carona ao sono”, promovida pela ABN e Abramet

Os preços da cebola continuaram a cair nas principais Centrais de Abastecimento (Ceasas) do país em fevereiro. A hortaliça produzida na Região Sul está abastecendo o mercado nacional e segurando os preços em baixos patamares. Em Brasília/DF, o quilo da cebola foi vendido no atacado a R$ 1,27, queda de 15,27%. Os dados estão no 3º Boletim Prohort de Comercialização de Hortigranjeiros nas Ceasas em 2017, divulgado nesta terça-feira (21) pela Companhia Nacional de Abastecimento (Conab). O estudo analisa os preços de comercialização no atacado em fevereiro deste ano.

Indicador do Ipea divulgado nesta quarta-feira (15/03) constata o segundo resultado positivo seguido da indústria

Com algumas mudanças, IR exige cuidados que vão do preenchimento às informações de despesas

Muito barulho pode matar, sim! A OMS aponta que, a cada ano, mais de 210 mil pessoas morrem de ataque cardíaco provocado por barulhos acima de 50 decibéis. Em tempos de trânsito, construções por toda parte e celulares com fones de ouvido, o que pode ser feito? A trisoft aponta uma das soluções: tratamento acústico nas construções.

Segunda, 22 Junho 2015 11:14

A comunicação que não se informa

Escrito por

“Quem não se comunica se trumbica”, a frase preconizada pelo Velho Guerreiro, o eterno Abelardo Barbosa, Chacrinha, talvez na época não fez tanto sentido como faz nos dias de hoje, quando todos se comunicam via redes sociais. Todos estão lá, a criança, o velho, o jovem, a donzela, os casais e até animais chegam a ter perfis nas mais diversas redes sociais. Nos casos de animais, claro que os donos criam tais perfis como homenagem ao seu pet.

Pagina 1 de 2