Sábado, Outubro 21, 2017
redacao@fatopaulista.com.br / fatopaulista@hotmail.com Telefone: (11) 2849-1454 ::: Ano IX - Edição n º 255
Terça, 03 Março 2015 13:07

“Minha mulher se chama Mauricio" estréia no teatro Fernando Torres no Tatuapé

Escrito por 
Avalie este item
(0 votos)

Traz aos palcos, após 16 anos, Ilvio Amaral e Maurício Canguçu. Espetáculo, traduzido pela primeira vez no Brasil, agora chega a São Paulo.

Após dezesseis anos, os atores consagrados do teatro mineiro, Maurício Canguçu e Ilvio Amaral, retornam aos palcos no estilo que os consagrou: a comédia.

A dupla apresentará seu mais novo espetáculo, com direção de Cininha de Paula: “Minha mulher se chama Maurício”.

A montagem tem uma equipe de peso nacional. Ilvio e Maurício dividem os palcos com o mineiro Guilherme Oliveira – ator de várias comédias conhecidas do público, tais como “Acredite, um espírito baixou em mim” e “Alfredo virou a Mão”.

A tradução do texto francês de Raffy Shart é de Jacqueline Laurence. A comédia trata de uma situação hilariante e inusitada: Maurício Coelho (Maurício Canguçu) é membro de uma associação sem fins lucrativos que arrecada donativos aos menos favorecidos. Ao chegar à casa de Jorge (Ilvio Amaral) e Marion, ele se vê em uma situação inesperada. Após mais uma briga do casal, é solicitada a ajuda de Maurício. Ele é convidado a se passar por esposa de Jorge para resolver a questão do imbróglio que envolve marido, mulher e amante. Acontece que o plano traçado pelos dois toma outro rumo. Eles perdem o controle da situação, após a chegada do marido da amante de Jorge, o truculento Roger (Guilherme Oliveira). Roger, movido pelo ciúme, vai ao apartamento pra resolver a questão ,quando se depara com Maurício, já se passando por Marion. Roger se apaixona por aquela mulher esquisita e passa a assediá-la. Pronto! A confusão está formada.

“Minha mulher se chama Maurício” já recebeu montagens de grande sucesso ao redor do mundo. Só agora ganha sua versão brasileira traduzida especialmente para Maurício e Ilvio.

Ficha Técnica:

Produção: Cangaral Produções Artísticas

Texto: Raffy Shart.

Tradução: Jacqueline Laurence

Direção: Cininha de Paula

Atores: Ilvio Amaral, Maurício Canguçu e Guilherme Oliveira

Cenário: Marcos Flaksman

Trilha Sonora: Ricardo Leão

Iluminação: Felipe Cosse

Assistência de Direção: Gustavo Klein

Serviço:

Espetáculo: Minha Mulher se Chama Maurício

Temporada: 13/03/2015 a 07/06/2015

Local: Teatro Fernando Torres-SP

Endereço: Rua Padre Estevão Pernet, 588 – Tatuapé

Horário: Sexta, 21h30. Sábado, 21h. Domingo, 19h

Informações: (11) 2227-1025

Classificação: 12 anos

Ingressos: Sexta e domingo - R$ 50,00 (inteira), R$ 25,00 (meia);

Sábado - R$ 60,00 (inteira), R$ 30,00 (meia)

Ler 1610 vezes
Ligia Minaro

Jornalista Responsável: Ligia Minaro - MTB 33.856

4 comentários

Deixe um comentário

Certifique-se de preencher os campos indicados com (*). Não é permitido código HTML.