Quarta, Novembro 22, 2017
redacao@fatopaulista.com.br / fatopaulista@hotmail.com Telefone: (11) 2849-1454 ::: Ano IX - Edição n º 256
Sexta, 04 Agosto 2017 08:24

Voluntários levam oficinas de leitura e educação financeira para mais de 5 mil crianças e adolescentes no Brasil, Argentina, Chile, Uruguai e Paraguai

Escrito por 
Avalie este item
(0 votos)

Revitalizar a infraestrutura das organizações sociais para propiciar um ambiente adequado ao desenvolvimento de suas rotinas na área de educação, incentivar a prática da leitura para as crianças, ensinar adolescentes e adultos a planejarem sua vida financeira, e promover a reflexão dos jovens sobre a influência do ensino na renda e na empregabilidade futura.

Esses são os objetivos da 1ª Semana de Ação Voluntária Global que a Fundação Itaú Social, uma das instituições responsáveis pela coordenação das atividades voluntárias do banco Itaú, realiza entre os dias 05 e 12 de agosto no Brasil, Argentina, Chile, Uruguai e Paraguai.

A Ação Voluntária Global envolverá mais de 2.600 participantes e beneficiará diretamente cerca de 5.700 crianças, adolescentes e familiares nos cinco países.

“Ao montarmos a programação, uma das nossas principais preocupações foi considerar os aspectos e necessidades regionais, tanto do público atendido quanto do voluntário”, explica a coordenadora de assessoria de voluntariado da Fundação Itaú Social, Anna Carolina Bruschetta.

No Brasil, as ações serão realizadas em Organizações da Sociedade Civil (OSCs) nos estados de Alagoas, Amazonas, Bahia, Distrito Federal, Espírito Santo, Goiás, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Minas Gerais, Pará, Paraíba, Paraná, Pernambuco, Rio de Janeiro, Rio Grande do Norte, Rio Grande do Sul, Santa Catarina e São Paulo. Nos demais estados, os funcionários do banco podem inscrever instituições por meio do Comunidade, Presente!, programa mantido pela Fundação para oferecer apoio financeiro pontual.

A abertura da Semana será em São Paulo (SP), no sábado (5), na Obra Social Bom Bosco, em Itaquera, bairro da zona leste. O encerramento acontece no sábado seguinte (12), na Casa Shalom, em João Pessoa (PB).

Além do aspecto social, a iniciativa quer incentivar o engajamento no chamado voluntariado transformador, que promove o desenvolvimento pessoal tanto do voluntário quanto do beneficiário.

“Para isso, as ações precisam ser escaláveis, na medida que envolvem cada vez mais pessoas; reunir componentes inovadores e apresentar resultados efetivos, que transformem organizações e comunidades ao longo do tempo. Desta forma, acreditamos que a cultura de voluntariado se fortalece”, afirma Anna Carolina.

Atividades programadas:

-- Revitalização de infraestrutura das organizações sociais, como reforma, pintura, implementação de sala de leitura, construção ou ampliação de hortas;

-- Mediação de leitura para crianças;

-- Oficina para jovens e familiares sobre uso consciente do dinheiro;

-- Dinâmicas e jogos para estimular a reflexão dos jovens sobre a influência da educação na renda e na empregabilidade futura.

Ler 311 vezes
Ligia Minaro

Jornalista Responsável: Ligia Minaro - MTB 33.856

Deixe um comentário

Certifique-se de preencher os campos indicados com (*). Não é permitido código HTML.