Sexta, Outubro 19, 2018
redacao@fatopaulista.com.br / fatopaulista@hotmail.com Telefone: (11) 2849-1454 ::: Ano IX - Edição n º 267
Sexta, 21 Setembro 2018 09:45

Programação de Outubro - Teatros Municipais

Escrito por 
Avalie este item
(0 votos)

Teatro Adulto  DR. JEKYLL E MR. HYDE

 

O clássico do suspense de Robert Louis Stevenson em formato de thriller psicológico apresenta o confronto de diversos “eus” de uma mesma pessoa. O suspense faz com que o público reflita sobre o lado perverso do ser humano.

Teatro Arthur Azevedo. Av. Paes de Barros, 955, Mooca, Zona Leste | tel. 2604-5558. De 5 a 14Sex. e Sáb., 21h e Dom., 19h. Sex. R$30. 14 anos.

MORTE ACIDENTAL DE UM ANARQUISTA

Um louco, cuja doença é interpretar pessoas reais, é detido por falsa identidade. Na delegacia, ele vai enganando uma a um, assume várias identidades e se passa por um falso juiz na investigação do misterioso caso do anarquista. Brincando com o que é ou não é real, o louco desmonta o poder e acaba descobrindo a verdade de todos nós.

Teatro Arthur Azevedo. Av. Paes de Barros, 955, Mooca, Zona Leste | tel. 2604-5558. De 19/10 a 18/11. Sex. e Sáb., 21h e Dom., 19h. Sex. R$30. 14 anos.

A DANÇA DAS VEDETES

O espetáculo ‘A Dança das Vedetes’ é resultado de uma pesquisa sobre vedetes e teatro de revista, encenado pelo grupo da terceira idade ‘Rádio Ilusão’. Vedetes povoaram o imaginário deste elenco nos seus anos de juventude. Sem ser saudosista, o texto expressa suas aspirações de alegria e liberdade nesta fase da vida. Enquanto outros lamentam, estes jovens senhores dançam.

Teatro Arthur Azevedo. Av. Paes de Barros, 955, Mooca, Zona Leste | tel. 2604-5558. De 26/10 a 18/11. Sex. e Sáb., 18h e Dom., 16h. Grátis. 12 anos.

REPERTÓRIO HOMENS À DERIVA

O tema do repertório é a discussão sobre os “Car”Seres”humanos” e busca fazer uma análise dos direitos humanos dentre tantos aprisionamentos, como o cárcere social, político, mental e geográfico.

Teatro Arthur Azevedo. Av. Paes de Barros, 955, Mooca, Zona Leste | tel. 2604-5558. Quinta, Sex. e Sáb., 21h e Dom., 19h. Sex. Grátis. 16 anos.

Abre a Janela e Deixa Entrar o Ar Puro e o Sol da Manhã
Com direção de André Garolli, o espetáculo narra a história de duas mulheres, Heloneida e Geni, que foram condenadas à prisão perpétua. De origens e crimes diferentes, se conheceram atrás das grades e tornaram-se amigas para sobreviverem. A desorientação delas em relação ao tempo e espaço é evidente. Reveem suas vidas interrompidas transitando entre a loucura e a razão. Estão presas numa cela de prisão, num manicômio, purgatório, inferno ou na mente delas? 
| De 11 a 14

Desilusão das Dez Horas
Inspirado no poema homônimo do poeta americano Wallace Stevens, a peça é um retrato poético atemporal de uma família que vive à sombra da ausência do pai e dos maridos, marinheiros que passam semanas ou até meses em alto mar.
| De 18 a 21

Memórias (Não) Inventadas
No pequeno quarto de um bordel decadente, Bertha enfrenta um dia decisivo: por conta de sua saúde debilitada ela não pode mais atender seus clientes e se vê obrigada a desocupar o lugar. Entre memórias e alucinações, vem à tona sua tentativa fracassada de se apegar a falsas esperanças num caminho que parece sem volta. 
| De 25 a 28

Histórias dos Porões

Uma mulher de quarenta e poucos anos vive sozinha com o pai, um velho militar aposentado, agora com uns 80 anos e sofrendo de um câncer terminal. Esse homem foi pra ela pai e mãe. Foi carinhoso, amoroso, cuidadoso. Um pai perfeito. Ela viveu acreditando que sua mãe a tinha abandonado por motivos fúteis e por isso a odeia. Ao abrir um simbólico baú do pai após a sua morte, ela descobre a verdade.

| De 1º a 4/11.

CASA VAZIA

‘Casa Vazia’ conta a história de Ana e Veri, duas mulheres que por dez anos se amaram, brigaram e se amaram de novo. Uma casa cheia de memórias e pequenos detalhes que pouco a pouco vai se desconstruindo e repartindo; aos pedaços, essa história de amor se remonta diante do público. 
Teatro Alfredo Mesquita. Av. Santos Dumont, 1.770, Santana. Zona Norte. | tel. 2221-3657. De 5 a 28. Sex. e Sáb., 21h e Dom., 19h. Sex. R$20. 14 anos.

A[R]MAR

Duas pessoas rememoram a casualidade de um encontro no metrô de uma grande cidade. A partir desses dois olhares, ELE e ELA criam um ciclo vicioso de regras impotentes diante da força da casualidade de uma experiência amorosa. Ali, se desafiam no campo dos afetos e relativizam as distâncias impostas por universos particulares.
| Teatro Cacilda Becker. 
Rua Tito, 295, Lapa. Zona Oeste. | tel. 3864-4513. De 5 a 21. Sex. e Sáb., 21h e Dom., 19h. Sex. R$30. 14 anos.

A DANÇA DAS VEDETES

O espetáculo ‘A Dança das Vedetes’ é resultado de uma pesquisa sobre vedetes e teatro de revista, encenado pelo grupo da terceira idade, ‘Rádio Ilusão’. Vedetes povoaram o imaginário deste elenco nos seus anos de juventude. Sem ser saudosista, o texto expressa suas aspirações de alegria e liberdade nesta fase da vida. Enquanto outros lamentam, estes jovens senhores dançam.

Teatro João Caetano. Rua Borges Lagoa, 650, Vila Clementino. Próximo da estação Santa Cruz do metrô. Zona Sul. | tel. 5573-3774 e 5549-1744. De 5 a 21. Sex., e Sáb., 18h. Dom., 16h. Grátis. 12 anos.

12 HOMENS E UMA SENTENÇA

O calor escaldante do verão de nova York faz o suor pingar do rosto dos 12 homens trancados à chave numa pequena e claustrofóbica "sala de júri". Depois de dias de julgamento, está em suas mãos decidir a sorte do réu. O mais importante: o veredicto precisa ser unânime. Se os 12 enclausurados jurados considerarem o réu culpado do assassinato do próprio pai, ele será executado, mas se um deles tiver uma dúvida razoável a respeito da culpabilidade, o garoto não poderá ser condenado.

Teatro João Caetano. Rua Borges Lagoa, 650, Vila Clementino. Próximo da estação Santa Cruz do metrô. Zona Sul. | tel. 5573-3774 e 5549-1744. De 5 a 28. Sex., e Sáb., 21h. Dom., 19h. R$30. Livre.

OS BOÊMIOS DE ADONIRAN

‘Os Boêmios de Adoniran’ conta a história de João, que após receber a carta de um velho amigo retorna depois de 30 anos à rua em que morou quando era jovem. Ao chegar à Rua Aurora, encontra Jacó, um velho turco que sempre morou ali. À partir deste momento, os dois começam a reviver histórias do passado onde a música, o modo de vida simples e a boemia paulistana estavam sempre presentes.

| Teatro Paulo Eiró. Av. Adolfo Pinheiro, 765, Santo Amaro. Zona Sul. | tel. 5546-0446 e 5686-8440.  De 5 a 28Sex., e Sáb., 21h. Dom., 19h. R$40. 10 anos.



Teatro Infantil

A BRUXINHA QUE ERA BOA

A ‘Bruxinha Que Era Boa’ conta a história da bruxinha Ângela, estudante da Escola de Bruxas. Ao final do aprendizado, a bruxinha que melhor se sair na avaliação ganhará a cobiçada vassoura a jato, objeto que possibilitaria Ângela a fazer o que mais lhe dá felicidade: voar por cima das árvores da floresta, bem próxima das nuvens. Mas, para isso, terá́ que superar sua maior dificuldade, a de fazer maldades.

Teatro Arthur Azevedo. Av. Paes de Barros, 955, Mooca, Zona Leste | tel. 2604-5558. De 6 a 21Sáb., e Dom., 16h. R$16. Livre.

ITINERÁRIO DO PASÁRGADA – 47 anos de Estrada

Selecionado no Programa Municipal de Fomento ao Teatro para a Cidade de São Paulo, o ‘Grupo Pasárgada’ apresenta variados espetáculos de seu Itinerário em 47 anos de história. Na primeira parte da temporada, serão realizadas dezesseis apresentações gratuitas em Teatros Municipais.

Que Bicho É Esse???
Era uma vez um homem que ouviu muitas histórias, histórias de reis, de princesas e plebeus. E eram tantas histórias, que o homem começou sua coleção de... ERA UMA VEZ. Com essa breve introdução, o ‘Pasárgada’ presta sua homenagem a um dos maiores historiadores, escritores, poetas e antropólogos que nosso País já produziu. Luís da Câmara Cascudo coletou mais de uma centena de contos e causos populares e produziu uma obra riquíssima sobre nossa memória. 
Teatro Alfredo Mesquita. 
Av. Santos Dumont, 1.770, Santana. Zona Norte. | tel. 2221-3657. De 6 a 28. Sáb., e Dom., 16h. Grátis. Livre.

CACHORRADA

Lili é uma garota de 8 anos defensora dos animais, ela já adotou várias raças e sempre adorou cuidar deles. Com a chegada das férias e o avanço da tecnologia, Lili começou a se conectar mais com o mundo virtual e esquecer dos seus animais. Sua mãe, preocupada com os bichinhos e a situação da filha, resolve pregar uma peça na garota, inventando que irá expulsar todos os animais da casa, pois não há ninguém para cuidar deles. Irá jogá-los na rua em um lugar sombrio e triste.

| Teatro Cacilda Becker. 
Rua Tito, 295, Lapa. Zona Oeste. | tel. 3864-4513. De 6 a 28Sáb., e Dom., 16h. Sessões extras: dia 12, 11h e 15h; dia 25, 10h e 15h. R$16. Livre.

ITINERÁRIO DO PASÁRGADA – 47 anos de Estrada

Selecionado no Programa Municipal de Fomento ao Teatro para a Cidade de São Paulo, o ‘Grupo Pasárgada’ apresenta variados espetáculos de seu Itinerário em 47 anos de história. Na primeira parte da temporada, serão realizadas 16 (Dezesseis) apresentações gratuitas em Teatros Municipais. 

Panos e Lendas
Panos e Lendas narra a criação do mundo falando do homem, sob o olhar de dois índios às suas raízes, seus costumes, mostrando o ciclo da vida com ternura e simplicidade. O espetáculo é recheado de lendas brasileiras, como a da Cana de Açúcar, lenda de Helena Pereira, Parlenda, do macaco e o grão de milho, cantigas de roda e de Ninar, Terezinha de Jesus, o Cravo Brigou com a Rosa, Tutu Marambá e outras cantadas e tocadas ao vivo pelos atores. Há 40 anos em cartaz, ‘Panos e Lendas’ é uma festa para todo mundo ver!

Teatro João Caetano.Rua Borges Lagoa, 650, Vila Clementino. Próximo da estação Santa Cruz do metrô. Zona Sul. | tel. 5573-3774 e 5549-1744. Dias 27 e 28, 16h. Grátis. Livre. 

O TRATO, O GATO E O JACARÉ

O espetáculo conta a história de um trato feito entre um gato e um ser encantado conhecido ora como morte, ora como vida - ou, ainda, como mãe natureza. A peça mostra para crianças de todas as idades a beleza e a importância do respeito às diferenças e os vários ciclos da vida.

| Teatro Paulo Eiró. Av. Adolfo Pinheiro, 765, Santo Amaro. Zona Sul. | tel. 5546-0446 e 5686-8440.  Dias 6 e 7, 16h. R$16. Livre.

 VOCÊS VÃO TER QUE ME ENGOLIR

Espetáculo teatral que se passa durante a preparação de três garotas, Maria, Iara e Flor para uma partida de futebol. De maneira lúdica e repleta de passagens cômicas, as meninas narram as histórias de três mulheres que sofreram preconceito para serem inseridas no meio do futebol.

| Teatro Paulo Eiró. Av. Adolfo Pinheiro, 765, Santo Amaro. Zona Sul. | tel. 5546-0446 e 5686-8440. De 13 a 28. Sáb., e Dom., 16h. R$16.

Música

DUO MANGABÊRA

Formado por Carla Pronsato (piano e escaleta) e Luís Passos (bandolim e violão), o Duo Mangabêra traz para essa formação arranjos próprios de um repertório de músicas que vão do tradicional ao atual universo da música instrumental brasileira, principalmente do choro. Desde harmonias mais tradicionais das músicas de Pixinguinha, Dilermando Reis, João Pernambuco, até harmonias mais complexas presentes nas composições de Radamés Gnattali, Garoto, Guinga, Egberto Gismonti e outros.

Teatro Arthur Azevedo. Av. Paes de Barros, 955, Mooca, Zona Leste | tel. 2604-5558. Dia 6, 18h. Livre.

OS AMANTICIDAS

Banda paulistana formada em 2012 lançou seu primeiro disco (homônimo) em 2016 com participações de Tom Zé e Arrigo Barnabé. Em 2017 lançaram seu primeiro clipe "Freguesia". Em 2018 veio o EP de carnaval "No Meio do Aglomerado", acompanhado do segundo clipe, "Gritei Seu Nome". O segundo disco está previsto para o início de 2019. Já se apresentaram em diversas casas da capital paulistana, como SESC Interlagos, Auditório do Ibirapuera, CCSP, Tupi or not Tupi, Teatro Cacilda Becker, Teatro Décio de Almeida Prado e outras; circularam também por cidades como Rio de Janeiro, Vitória, Juiz de Fora, etc. Dividiram palco com artistas como Liniker, Tulipa Ruiz, Vange Milliet, Suzana Salles.

| Teatro Cacilda Becker. Rua Tito, 295, Lapa. Zona Oeste. | tel. 3864-4513. Dia 3, 21h. R$10. Livre.


TENOR GUITAR IN CONCERT - RENATO ANESI E CONVIDADOS

Renato Anesi é compositor, arranjador e multi-instrumentista do Rio de Janeiro. Mestre de música choro, Renato toca diversos instrumentos de cordas brasileiras, como o tenor banjo, o tenor violão, bandolim, cavaco, violão de dez cordas e muito mais.

| Teatro Cacilda Becker. Rua Tito, 295, Lapa. Zona Oeste. | tel. 3864-4513. Dia 10, 21h. R$20. Livre. 

SHOW AUTORAL MARCELO LAVRADOR TRIO

Marcelo Lavrador é cantor, violonista e compositor. Seu trabalho autoral é composto de músicas instrumentais e canções. Neste show, apresenta músicas autorais da sua carreira, acompanhado dos músicos Renan Dias (baixo acústico) e Thiago Fermino (percussão).

| Teatro Cacilda Becker. Rua Tito, 295, Lapa. Zona Oeste. | tel. 3864-4513. Dia 17, 21h. R$10. Livre.

TRILHA ABERTA

A ‘Banda Carambolá’ tem suas atividades iniciadas em 2007, e, de lá pra cá, vem desenvolvendo um trabalho sólido em relação a escrita de arranjos e composições. Possuindo 10 integrantes, a banda toca um repertório calcado na Música Instrumental Brasileira e nas composições autorais sendo uma apresentação com muito Swing Brasileiro e criatividade.

| Teatro Cacilda Becker. Rua Tito, 295, Lapa. Zona Oeste. | tel. 3864-4513. Dia 24, 21h. R$20. 14 anos.

MANO UNICA

O show do grupo tem como objetivo desenvolver leituras originais de um repertório cuidadosamente escolhido, proveniente das pesquisas de seus integrantes sobre a música latino-americana. As misturas rítmicas são as marcas da criação artística do Mano Unica, que busca, em seus inovadores arranjos, promover diálogos entre as musicalidades dos países da América Latina. Prepare-se para dançar experimentações envolventes de cumbias, coplas, chacareras, zambas, festejos, sambas, bois (maranhão), cocos de roda e ijexás.

| Teatro Cacilda Becker. Rua Tito, 295, Lapa. Zona Oeste. | tel. 3864-4513. Dia 31, 21h. R$10. Livre.


CAMERATA BACCARELLI

A Camerata Baccarelli, sob regência do maestro Edilson Venturelli, invade os centros culturais da cidade de SP para uma homenagem a grandes clássicos. O regente conduz a Orquestra que, interpreta obras que passeiam pelo universo criativo dos compositores Heitor Villa-Lobos e Piotr Tchaikovsky.

| Teatro Paulo Eiró. Av. Adolfo Pinheiro, 765, Santo Amaro. Zona Sul. | tel. 5546-0446 e 5686-8440. Dia 14, 11h. Grátis. Livre.

 OFISA - TEMPORADA 2018

Fundada em 2004 pela maestrina Silvia Luisada, iniciou como um projeto sociocultural que rendeu frutos no desenvolvimento técnico e artístico de seus músicos. Transformou-se em um grupo eclético que interpreta diferentes períodos da música erudita e popular com paixão e precisão, convidando o público de seus concertos a uma viagem pelos variados estilos musicais. Em residência artística no Teatro Paulo Eiró desde fevereiro de 2017, apresenta sua temporada mensal, sempre no último domingo do mês.

| Teatro Paulo Eiró. Av. Adolfo Pinheiro, 765, Santo Amaro. Zona Sul. | tel. 5546-0446 e 5686-8440. Dia 28, 11h. R$30. Livre.

Ler 35 vezes