Segunda, Novembro 20, 2017
redacao@fatopaulista.com.br / fatopaulista@hotmail.com Telefone: (11) 2849-1454 ::: Ano IX - Edição n º 256
Segunda, 06 Novembro 2017 13:22

FlinkSampa: uma festa que busca valorizar a cultura negra em suas múltiplas formas de expressão

Escrito por 
Avalie este item
(1 Votar)

Uma festa que busca a valorização da cultura negra em seus mais variados e múltiplos aspectos: esta é a Flink Sampa!

 

 

Em sua 5ª edição, a FlinkSampa está se tornando cada vez mais famosa, pois, além de resgatar as raízes da cultura negra _ através da valorização do samba, por exemplo _ flerta com a modernidade ao incluir em sua programação discussões sobre literatura periférica e empoderamento feminino.

Este ano a Flint Sampa acontece entre os dias 16 a 18 de novembro na Faculdade Zumbi dos Palmares que se situa dentro do Centro Esportivo Tietê e ao lado da estação Armênia do metrô, ou seja, o novo local além de tudo é bastante acessível.

O Sambana FlinkSampa

Um dos eventos mais esperados da FlinkSampa é com certeza, aquele que promete resgatar os velhos sambas e que terá a presença de compositores das antigas. Capitaneado pelo mestreThobias da Vai-Vai e por sua esposa, Elizete Rosa, o espaço ‘Samba Nosso de Cada Dia’ também pretende apresentar composições atuais deste que é, por excelência, o ritmo mais representativo da negritude brasileira: o samba! Vale ressaltar que o cantor e compositor Martinho da Vila, ícone do samba, também estará presente na Flink.

A literatura negra no centro da festa

Mas como a Flink é a festa do conhecimento, da literaturae da cultura negra, é claro que as discussões literárias estarão no centro deste palco!

Diante disso, a programação literária é riquíssima e procurou incluir uma vasta galeria de autores nacionais e estrangeiros de primeira linha. Trata-se de autores supertalentosos _ homens e mulheres_que estão, nos quatro cantos do mundo, escrevendo sobre temas relacionados à cultura negra.

Assim a Flink trouxe para a festa desde autores premiados como o cabo-verdiano Arménio Vieira, a cubana Teresa Cárdenas e o patrono, Paulo Lins; até escritores que estão inovando a literatura como o paulistano Férrez e o poeta Sérgio Vaz, autores que fazem da periferia urbana o centro de suas narrativas e farão parte de discussões importantes.

Mas a Flink também terá a Flinkinha que traráatividades para crianças e adolescentes; o ‘Prêmio Jovem Negro de Literatura’; o Festival Afrominuto de curtas-metragens, entre outros eventos especialmente dedicados ao fazer literário em suas mais variadas formas de expressão.

Para saber tudo sobre os eventos literários da Flink acesse:

http://flinksampa.com.br/2017/06/21/literatura-e-cultura/

 

 

Valorização da beleza negra

A FlinkSampa também quer valorizar as mulheres negras e por isso criou vários eventos, que acontecerão ao longo de sua  programação, especialmente dedicados ao público feminino. Mas a ideia não é só valorizá-las esteticamente e sim, contribuir para a conscientização de que a beleza feminina deve estar fundamentada em ideias e atitudes.

Para fomentar os debates em torno da beleza e da estética, foi idealizado o ‘Espaço Beleza e Poder da Mulher Negra’ que oferecerá rodas de conversa sobre aceitação dos cabelos crespos, construção da autoestima e que teráconvidados mais que especiais como as meninas do coletivo carioca ‘Meninas Girl Power’ e profissionais do Instituto Avon.

Veja a programação deste espaço aqui:

http://flinksampa.com.br/espaco-empoderamento-da-mulher-negra/

A festa não termina...

No entanto, além dos variados eventos literários, dos espaços dedicados ao empoderamento das mulheres negras por meio de palestras sobre beleza, moda, filmes e rodas de conversas; além da presença de escritores consagrados e deatividades ligadas ao empreendedorismo e ao debate sobre  educação inclusiva que será tema do Seminário Educação Inclusiva no Século XXI, entre as tantas atividades que serão oferecidas,  é preciso ressaltar que esta grande festa da cultura ao estimular o debate e a reflexão em torno da negritude, oferece uma oportunidade única de conhecimento da cultura negra como nunca se viu em nosso país.

Ao oferecer a chance de que pessoas de todas as ‘cores’ conheçam a fundo a riqueza e a diversidade da cultura negra; a FlinkSampa dá um grande passo para que males que ainda persistem em nossos dias como o nefasto preconceito racial sejam discutidos e, por fim,  eliminados.

Para saber tudo sobre a FlinkSampa acesse http://flinksampa.com.br/

Serviço

A FlinkSampa acontece na FAZP – Faculdade Zumbi dos Palmares _ que fica na Av. Santos Dumont, 843 – Armênia – São Paulo; durante  os dias 16 e 18 de novembro e entre as 10:00H e as 20:00H.

Ler 72 vezes

Deixe um comentário

Certifique-se de preencher os campos indicados com (*). Não é permitido código HTML.