Sábado, Outubro 21, 2017
redacao@fatopaulista.com.br / fatopaulista@hotmail.com Telefone: (11) 2849-1454 ::: Ano IX - Edição n º 255
Quinta, 01 Junho 2017 13:25

Clube de Leitura no Sesc Vila Mariana discute obras que sofreram censura ao redor do mundo

Escrito por 
Avalie este item
(0 votos)

Os encontros, que acontecem uma vez por mês, abordam Mahbod Seraji e Ferreira Gullar em junho e julho

 

O Clube de Leitura, do Sesc Vila Mariana, analisa no mês de junho a obra " Os telhados de Teerã", de Mahbod Seraji. O encontro acontecerá na Sala de Leitura da Unidade, no dia 29 de junho, quinta-feira, às 19h30. Em julho, a obras escolhida é “Poema Sujo”, de Ferreira Gullar. As atividades são gratuitas e não requerem inscrição prévia. Os encontros estão inseridos no projeto Cortina Fechada - Territórios da Arte, e buscam discutir obras que foram proibidas pelos governos, assim como autores que sofreram com o exílio.

Cortina Fechada: Territórios da Arte

O projeto
 Cortina Fechada - Territórios da Arte propõe a discussão sobre a produção cultural e seus contextos sociais e políticos por meio de três eixos temáticos: quando a obra é proibida de circular; quando o artista é proibido de sair de seu país; e quando o artista é obrigado a sair de seu país para continuar produzindo. 

Clube de Leitura do mês de Junho

A obra “Os telhados de Teerã”
 narra um hábito muito comum em Teerã que é dormir no telhado, em noites de verão. O calor seco do dia resfria após a meia-noite, e quem fica lá em cima acorda com os primeiros raios de sol na face e com o ar fresco nos pulmões. E é deste lugar que os adolescentes Pasha e Ahmed, amigos inseparáveis, observam o mundo e as pessoas ao redor. É também dali que Pasha consegue admirar Zari, sua vizinha, uma jovem já prometida para casamento. Uma trama densa e ao mesmo tempo leve, em que se misturam os sentimentos e descobertas dos adolescentes e seus primeiros vislumbres sobre o amor, mas também o contato com a dor, a repressão, a morte e as perdas, bem como a repressão política durante a ditadura do Xá Reza Pahlevi.

Mahbod Seraji
 nasceu no Irã e mudou-se para os Estados Unidos em 1976, aos 19 anos. Estudou na Universidade de Iowa, onde graduou-se em Cinema e Televisão, e doutorou-se em Desenho e Tecnologia. Atualmente, trabalha como consultor de gestão e mora na Bay Area, San Francisco.

A mediação do encontro será realizada por
 Mamede Jarouche que é Bacharel em Letras (Português & Árabe) pela Universidade de São Paulo; doutor em Letras e Livre-Docente em Literatura Árabe pela mesma universidade. Atualmente é professor efetivo da Universidade de São Paulo, onde leciona desde 1992.

A seguir:

O
 Clube de Leitura acontece também em julho, no dia 27, com a obra “Poema Sujo”, de Ferreira Gullar (julho) – mediação deBetina Bischof. 

Também em julho, terá início o curso “A Literatura sob o Estado Novo: os escritores e a prisão”, onde será abordado um panorama do período do Estado Novo no que se refere ao campo literário brasileiro. A mediação será feita por
 Ovídio Poli Junior, graduado em filosofia e doutor em literatura brasileira pela Universidade de São Paulo. 

Saiba mais sobre o projeto
 Cortina Fechada: Territórios da Arte, acessando o Portal Sesc SP: bit.ly/CortinaFechada

Fotos para divulgação:
 
www.dropbox.com/sh/d63sygsph2nlxh2/AAAClRFSFQNrnnf4Srxn5Csla?dl=0

Serviço:

Cortina Fechada: Territórios da Arte
De março a julho de 2017

Literatura

Clube de Leitura

“Os telhados de Teerã”, de Mahbod Seraji
Mediação de Mamede Jarouche
Dia 29 de junho, quinta-feira, às 19h30
Local: Sala de Leitura, 5º Andar - Torre A (capacidade: 20 lugares)
Duração: 120 minutos
Não recomendado para menores de 16 anos

“Poema Sujo”, de Ferreira Gullar
Mediação de Betina Bischof
Dia 27 de julho, quinta-feira, às 19h30
Local: Sala de Leitura, 5º Andar - Torre A (capacidade: 20 lugares)
Duração: 120 minutos
Não recomendado para menores de 16 anos

Curso

A Literatura sob o Estado Novo: Os escritores e a prisão
Mediação de Ovídio Poli Junior
De 18 a 22 de julho, terça a sexta, das 19h30 às 21h30 e sábado das 15h às 17h
Local: Sala 2, 5º andar – Torre A 
Inscrições na Central de Atendimento a partir de 20 de junho (Credencial Plena) e 27 de junho (demais interessados).
Não recomendado para menores 16 anos

Inscrição:
 R$ 30,00 (Credencial Atividades) l R$ 15,00 (Credencial MIS) l R$ 9,00 (Credencial Plena).

Horário de funcionamento da Unidade:
 Terça a sexta, das 7h às 21h30; sábado, das 9h às 21h; e domingo e feriado, das 9h às 18h30.

Central de Atendimento (Piso Superior – Torre A):
 Terça a sexta-feira, das 9h às 20h30; sábado, domingo e feriado, das 10h às 18h30.

Estacionamento:
 R$ 5,50 a primeira hora + R$ 2,00 a hora adicional (Credencial Plena: trabalhador no comércio de bens, serviços e turismo matriculado no Sesc e dependentes). R$ 12 a primeira hora + R$ 3,00 a hora adicional (outros). 200 vagas.

Sesc Vila Mariana
Rua Pelotas, 141, São Paulo - SP
Informações: 5080-3000
sescsp.org.br
Facebook, Twitter e Instagram: /sescvilamariana

Caleidos Cia. de Dança traz seu Coreô para o Sesc Vila Mariana

Cia paulistana com 20 anos de pesquisas traz sua mais nova criação para a Praça de Eventos da Unidade

No domingo, dia 11 de junho, às 16h, a Praça de Eventos do Sesc Vila Mariana recebe a Caleidos Cia de Dança, que apresenta sua mais novo espetáculo, Coreô, em que os bailarinos compartilham com o público propostas que podem ser jogadas ou assistidas. A atividade é gratuita e aberta a todos os interessados.

Coreô
 é uma dança em jogo e um jogo em cena, desdobramento dos estudos realizados no Núcleo de Pesquisas Coreológicas da Caleidos Cia de Dança. O trabalho compartilha cenicamente jogos que, ao longo dos 20 anos da companhia, vêm sendo desenvolvidos tanto para o aprendizado da Linguagem da dança/Laban quanto para a construção cênica dos espetáculos. Os bailarinos compartilham com o público propostas que podem ser jogadas ou assistidas, criando cenas em tempo real a partir de jogos que proporcionam dança.

O
 Caleidos Cia. de Dança, por meio de atividades artísticas, ações docentes e projetos de pesquisa, instala-se na interface híbrida entre a arte e a educação, desenvolvendo espetáculos comprometidos tanto com o diálogo e a reflexão quanto com a pesquisa da linguagem da dança. A Cia. é dirigida por Isabel Marques e Fábio Brazil.

Fotos para divulgação:
 www.dropbox.com/sh/4rntezweyg8iee7/AABG_TRfAl-bF2RLsYKwaN0Ra?dl=0

Serviço:

Coreô
Com a Caleidos Cia. de Dança
Dia 11 de junho, domingo, às 16h
Local: Praça de Eventos (capacidade: 250 lugares)
Duração: 60 minutos
Livre
Grátis

Horário de funcionamento da Unidade:
 Terça a sexta, das 7h às 21h30; sábado, das 9h às 21h; e domingo e feriado, das 9h às 18h30.

Central de Atendimento (Piso Superior – Torre A):
 Terça a sexta-feira, das 9h às 20h30; sábado, domingo e feriado, das 10h às 18h30.

Estacionamento:
 R$ 5,50 a primeira hora + R$ 2,00 a hora adicional (Credencial Plena: trabalhador no comércio de bens, serviços e turismo matriculado no Sesc e dependentes). R$ 12 a primeira hora + R$ 3,00 a hora adicional (outros). 200 vagas.

Sesc Vila Mariana
Rua Pelotas, 141, São Paulo - SP
Informações: 5080-3000
sescsp.org.br
Facebook, Twitter e Instagram: /sescvilamariana

Ler 85 vezes
Ligia Minaro

Jornalista Responsável: Ligia Minaro - MTB 33.856

Deixe um comentário

Certifique-se de preencher os campos indicados com (*). Não é permitido código HTML.