Quinta, Agosto 24, 2017
redacao@fatopaulista.com.br / fatopaulista@hotmail.com Telefone: (11) 2849-1454 ::: Ano IX - Edição n º 253
Segunda, 26 Junho 2017 10:20

Rainha de bateria da Acadêmicos do Tatuapé é pé quente e estreia com título

Escrito por 
Avalie este item
(0 votos)

Ao estrear na Acadêmicos do Tatuapé, Andrea Capitulino, teve a ansiedade como companheira. Envolvida com a comunidade da zona Leste desde o ano passado, ela vem ratificar o que é ser uma rainha com foco social. “Temos que ajudar a escola, no trabalho comunitário: precisamos olhar pra dentro da agremiação ao longo do ano. A ajuda ao próximo, aos mais carentes é muito importante”, avalia.

 

Veterana no carnaval carioca, estreante em São Paulo. Vila Isabel, Salgueiro, Mangueira e Unidos da Tijuca eram suas vizinhas quando nasceu. Voltando no tempo, Andrea lembra que, quando menina, a mãe já a levava para as quadras. A convivência com as alas da comunidade da Vila Isabel, principalmente, moldou a sambista que é hoje; porém, ela não deixou de frequentar o reduto das escolas coirmãs. “Eu achava um lugar que tivesse carnaval, samba... Enfim, este clima de escola que eu adoro”, salienta. Apaixonada pela festa e pelo ritmo,  Andrea estava sempre em alguma quadra: Estácio de Sá, Renascer de Jacarepaguá, Vila Rica e Paraíso do Tuiuti: não importava se era do grupo principal ou de acesso – os últimos 15 anos foram assim até ir morar fora do Brasil.

 Mas no período em que esteve no exterior,  deu uma pausa para retomar sua paixão, depois de algum tempo – a avenida. Ao conversar com uma amiga de São Paulo, a mesma a convidou para desfilar na Vai-Vai, mas não seria daquela vez. Desde 2016, frequenta a comunidade do Tatuapé: simpatia à toda prova, Andrea chegou e foi participar da festa do Dia das Crianças, importante para a integração com os componentes. Essa vivência RJ/SP permite que ela tenha uma visão bastante clara, inclusive de organização do evento. Para ela, um planejamento bem estruturado pode gerar renda para as agremiações, e São Paulo está descobrindo isso.  Vale ressaltar que Andrea também defendeu as cores da escola Prova de Fogo do Grupo 1 da UESP (União das Escolas de Samba de São Paulo), como madrinha de bateria. As duas escolas falaram sobre a África.

Formada em Educação Física, Andrea é empresária da área da saúde e estética, e diz ficar muito satisfeita quando vê um de seus clientes melhorando a sua performance diária por meio do tratamento que a clínica oferece. Especializações em qualidade de vida dão a tônica do estabelecimento e do currículo da profissional . Outro ponto importante para uma vida saudável é a reeducação alimentar, que faz parte da sua rotina. Segundo ela, é possível mudar o metabolismo com disciplina. O trabalho para diminuir a gordura visceral das pessoas  é a principal atividade da rainha, além do Carnaval, há 12 anos. Famosos como o ator Henri Castelli, o autor Walter Negrão e o diretor/ator Wolf Maia já usaram a técnica.  Já o chamado “bumbum tecnológico”, apresentado pela esteticista, prima pela combinação de exercícios elaborados adicionados a algumas técnicas próprias do método adotado pela clínica. O esposo Paulo Gelatti é sócio na empreitada. 

A rotina de 12 horas de trabalho provoca uma adaptação, inclusive nos hábitos e nos prazeres. Apaixonada pela gastronomia de diversos lugares, presentes na capital paulista, Andrea abre exceções, mas sem exageros para saborear belos pratos; entretanto, procura  excluir carboidratos, a fim de manter a silhueta mais ‘sequinha’. Ela segue também a dieta paleolítica (que permite comer alimentos mais naturais, mas que não tolera comidas processadas industrialmente, entre outras coisas), além de beber muita água.

Ler 102 vezes

Deixe um comentário

Certifique-se de preencher os campos indicados com (*). Não é permitido código HTML.